Portugal oferece mil vagas de emprego em cantinas escolares

O início de mais um ano letivo após as férias escolares traz oportunidades de emprego na área de alimentação em Portugal. Mais de mil vagas nas funções de Cozinheiro(a) e Empregado(a) de refeitório estão abertas para profissionais atuarem em cantinas de escolas e empresas do país.

O processo de recrutamento online está sendo realizado pela empresa portuguesa Multipessoal por meio da plataforma Clan e ficará aberto até novembro. No entanto, o ideal é que os candidatos tenham disponibilidade para início imediato. Entre os requerimentos para as vagas está experiência prévia ou formação na área de cozinha. Brasileiros que possuem documentação para trabalhar em Portugal podem participar da seleção.

As vagas serão oferecidas como contratos temporários para os períodos letivos. De acordo com a Multipessoal, a previsão é de que a carga horária seja de, em média, três a quatro horas diárias para a função de Empregado(a) de Refeitório e de 30 a 40 horas semanais para Cozinheiro(a). Os postos de trabalho estão disponíveis em 16 distritos portugueses, de norte a sul, além das regiões autônomas da Madeira e dos Açores.

Para se candidatar, é necessário preencher um pré-cadastro com dados como nome completo, e-mail, telefone, distrito e em qual função possui interesse. Além disso, é importante fazer um registro no site Clan com outros dados que incluem informações sobre nacionalidade, permissão de trabalho e currículo profissional. De acordo com a Multipessoal, será possível acompanhar informações sobre o processo de seleção diretamente pelo login no site.

Tudo sobre as funções

Além da experiência prévia com cozinha, a agência de recrutamento busca candidatos com capacidade de organização e que demonstrem responsabilidade, autonomia e proatividade. Os detalhes sobre carga horária e salários foram confirmados ao Agora Europa pela Multipessoal. Veja abaixo mais detalhes sobre cada uma das funções:

Cozinheiro(a)
Atividades a serem desempenhadas:
– Efetuar preparo prévio e armazenamento das matérias-primas no serviço da cozinha, assegurando o estado de conservação;
– Preparar as refeições cumprindo as normas de Higiene e Segurança Alimentar;
– Empratar as refeições;
– Colaborar com a limpeza e higienização do refeitório, utensílios e demais equipamentos;
– Promover e cumprir com as normas de higiene e segurança no trabalho.

Requerimentos da vaga:
– Experiência na função ou formação na área de cozinha;
– Capacidade de trabalho e organização;
– Responsabilidade, autonomia e proatividade;
– Foco na qualidade e trabalho em equipe;
– Disponibilidade de horários;
– Disponibilidade para integração imediata.

O que a empresa oferece:
– Contrato de trabalho temporário;
– Alimentação no local de trabalho;
– Formação inicial;
– Salário de acordo com a experiência e divisão da equipe: Cozinheiro/a de 3ª, € 802; Cozinheiro/a de 2ª, € 848; Cozinheiro/a de 1ª, € 956;
– Carga horária: de 30 a 40 horas semanais.

Empregado/a de Refeitório
Atividades a serem desempenhadas:
– Auxiliar na preparação e confeção das refeições;
– Realizar a limpeza e higienização do refeitório, utensílios e demais equipamentos;
– Efetuar os empratamentos das refeições;
– Promover e cumprir com as normas de higiene e segurança no trabalho.

Requerimentos da vaga:
– Experiência na função;
– Pontualidade e assiduidade;
– Responsabilidade e profissionalismo;
– Disponibilidade de horários;
– Disponibilidade para integração imediata.

O que a empresa oferece:
– Contrato de trabalho temporário;
– Refeições no local de trabalho;
– Formação inicial;
– Salário de acordo com a experiência e divisão da equipe: o valor de referência mensal bruto para 40 horas semanais é de € 762. Como serão tempos parciais, o valor será pago proporcionalmente ao número de horas;
– Carga horária: de 3 a 4 horas diárias.

Compartilhar