Espanha libera entrada para familiares de espanhóis e estudantes do Brasil


A partir do dia 3 de agosto, brasileiros com vistos de longa duração e estudantes poderão entrar na Espanha. A mesma permissão irá valer para parentes de primeiro grau de cidadãos espanhóis, o que inclui cônjuges, filhos ou pais em situação de dependência.

As informações foram publicadas no Boletim Oficial do Estado (BOE) neste sábado (31) e também pela Embaixada do Brasil na Espanha. A proibição para turistas que saem do território brasileiro segue ativa, pontua o governo.

Os passageiros autorizados, independente de estarem vacinados ou não, precisam cumprir uma quarentena de 10 dias na chegada ao território espanhol. O isolamento pode ser cumprido na residência em ou hotel escolhido pelo viajante.

A proibição estava em vigor desde o início de fevereiro, como forma de prevenir novas variantes da Covid-19. A partir de agora, o Brasil e a África do Sul agora estão na lista de “alto risco”, ao lado da Argentina, Bolívia, Colômbia e Namíbia, com restrições menores.

“Estudar é essencial”

A mudança na regra irá permitir que estudantes do Brasil, aprovados em universidades espanholas, possam viajar ao país. Nas últimas semanas, um movimento chamado “Estudiar es esencial” (Estudar é essencial, em tradução livre), estava em tratativas com autoridades para a permissão de entrada. Os brasileiros temiam perder bolsas e matrículas, caso não chegassem a tempo do início do ano letivo europeu.

Em publicação nas redes sociais, o grupo comemorou a liberação. Agora, os estudantes aprovados em universidades da Alemanha e França continuam com a mesma reivindicação.

Compartilhar

5 Comments

Comments are closed.