Governo português anuncia aumento de 30 euros no salário mínimo

Imagem mostra duas notas de Euro: uma da dez e outra de vinte.
Em 2021, salário mínimo de Portugal subirá 30 euros: de € 635 para € 665. Foto: Hans Ripa/Unsplash


O governo de Portugal confirmou nesta quarta-feira (9) que vai aumentar o salário mínimo nacional em 30 euros. Com isso, a partir de janeiro de 2021 o valor mínimo que um trabalhador receberá passa dos atuais 635 euros para 665 euros. Segundo a ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho, o objetivo é atingir o valor de 750 euros mensais em 2023.

De acordo com a ministra, o número de pessoas atingidas pelo reajuste será de 742 mil, o que representa 21,1% do total de trabalhadores do país: “Portugal tem uma taxa de risco de pobreza nos trabalhadores de cerca de 13%, pelo que o salário mínimo é um instrumento determinante para proteger os rendimentos dos trabalhadores”, disse Ana Mendes Godinho.

Leia mais:
– Portugal: acusada de omissão em morte de imigrante, diretora se demite
– Idosa recebe primeira vacina contra Covid-19 do mundo no Reino Unido

Mínimo português é um dos mais baixos da UE

Dos 27 Estados-Membros da União Europeia, 22 têm salários mínimos fixados. Os países com o mínimo mensal mais alto são Luxemburgo (2.142 euros) e Irlanda (1.700 euros). Portugal é o 12º país da lista e fica atrás de Espanha, Eslovênia e Grécia.

Confira abaixo a lista de salários mínimos de 16 países da União Europeia elaborada pela Eurofound. Algumas dessas nações não usam o Euro como moeda e os valores foram convertidos. Nesta tabela o salário mínimo de Portugal consta como 741€ porque essa é a média mensal, considerando que além dos 12 meses, os trabalhadores também recebem dois salários extras referentes a férias e ao abono de Natal.

Lista de países da UE por salário mínimo. Fonte: Eurofound
Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *