Após frear curva da pandemia, Catalunha reabre restaurantes


Alvo de críticas do setor gastronômico e turístico de Barcelona, o fechamento de bares e restaurantes na cidade tem data para terminar: segunda-feira, 23 de novembro. Assim anunciou o governo da Catalunha, que estabeleceu uma lenta retomada da atividade comercial que deve durar, no mínimo, até 3 de janeiro.

A partir da próxima semana os restaurantes voltam a abrir as portas depois de quase um mês trabalhando apenas com entregas a domicílio. Ainda assim, conseguir uma mesa será uma tarefa para os comensais: nas calçadas, capacidade máxima de quatro pessoas por mesa e distância sinalizada de dois metros entre grupos. Do lado de dentro, ocupação máxima de 30% da capacidade. Outra limitação é o horário de funcionamento, que poderá se estender somente até 21h30. 

A decisão de retomar as atividades é baseada, entre outros parâmetros, na diminuição da velocidade de transmissão do vírus, que reduziu para 0,76, enquanto a meta é que esteja sempre abaixo de 1. Além disso, também foi notada uma queda no número de novos casos diários e da estabilização dos ingressados em Unidades de Terapia Intensivas (UTIs) desde o endurecimento das regras de circulação adotadas há três semanas. A partir de agora, a cada 15 dias os dados epidemiológicos serão reavaliados e assim liberados – ou não – novos espaços ou ampliada a capacidade de público. 

Grupo ligado ao setor de gastronomia provocou ato de vandalismo na sede do governo para protestar contra as restrições ao setor. Foto: Alvaro Andrade/Agora Europa

Área cultural também volta a ativa

O setor artístico também será contemplado com novas permissões: cinemas, teatros e auditórios poderão funcionar com 50% da capacidade. Instalações esportivas  também podem abrir com metade da ocupação. Centros comerciais seguem fechados e continua a restrição para 30% de público em lojas de até 800 metros quadrados. 

Para o Natal, a previsão é que seja derrubada a limitação de viagem para outras regiões autonômas da Espanha assim como o deslocamento para outras cidades dentro da Catalunha aos finais de semana, hoje proibidas. No entanto, o toque de recolher entre 23h e 6h será mantido, assim como a recomendação para evitar reuniões familiares com mais de seis pessoas. 

 

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.