Número de brasileiros barrados na Europa cresce 31%: veja os motivos

Em Portugal, triplicou o número de brasileiros barrados nos postos de imigração – Imagem: Converkit & Cristiano Goulart


Planos de viagens e sonhos interrompidos. Acessar a Europa foi ainda mais difícil, no ano passado, para quem nasceu no Brasil e não possui cidadania europeia. De janeiro a dezembro, 8.730 brasileiros tiveram a entrada negada em um dos 27 países da União Europeia (EU) ou no Reino Unido. O número é 31% maior do que o registrado em 2018, quando 6.615  brasileiros foram impedidos de acessar o Velho Continente.

O principal motivo que impediu os viajantes de cruzar os guichês de imigração foi a ausência de visto ou a permissão de residência inválida. Somente este critério impediu que 2.655 brasileiros recebessem o carimbo de acesso à UE em 2019. Motivo ou condição de permanência não justificáveis e visto ou permissão de residência falsos também estão entre os principais motivos para a não entrada no Continente. Os dados foram divulgados recentemente pelo Escritório de Estatísticas da União Europeia (Eurostat, sigla em inglês) e compilados pela equipe do Agora Europa.


Triplica número de brasileiros barrados em Portugal

Portugal é, atualmente, o país com a maior colônia de brasileiros na Europa. No entanto, a imigração portuguesa é também a que mais impede a entrada de pessoas oriundas do Brasil. No último ano, 3.965 brasileiros foram impedidos de acessar o país, seja pelos aeroportos, portos ou estradas. O número é 3 vezes maior do que o registrado em 2017, quando 1.335 pessoas foram barradas. A ausência de visto ou permissão de residência está entre os principais motivos para o não acesso, assim como a falta de comprovação financeira de subsistência.

Junto com Portugal, Reino Unido, Irlanda, França, Espanha e Itália também tiveram significativo aumento de acessos negados a brasileiros. No Reino Unido, este número quase dobrou entre 2017 e 2019. O mesmo ocorreu na Irlanda, onde 720 brasileiros não puderam cruzar o guichê de imigração.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.