Irlanda autoriza casas noturnas a permanecerem abertas até as 6h da manhã

O Ministério da Justiça irlandês enviou ao Parlamento do país (Houses of the Oireachtas) uma proposta para atualizar as leis que regulam a atividade noturna na ilha esmeralda. A principal mudança, se aprovada, vai permitir que casas noturnas permaneçam abertas até as 6 horas da manhã a partir do próximo ano. Atualmente, os estabelecimentos devem encerrar o expediente às 2h30 da madrugada.

A principal intenção do governo irlandês é estimular o crescimento do setor no país, que perdeu significativa força nas últimas duas décadas. Segundo o Ministério da Justiça, há 20 anos, a Irlanda contava com aproximadamente 500 casas noturnas no país, passando para 300 em meados de 2009. Atualmente, no entanto, são apenas 80 nightclubs em toda ilha.

“Isso criará mais oportunidades para nossas casas noturnas e locais noturnos, criando uma plataforma para a vida noturna irlandesa expandir sua oferta e aprimorar ainda mais nossa cultura noturna”, comemora Donall O’Keeffe, Chefe-Executivo da Associação de Vitivinicultores Licenciados (VTA, sigla em inglês) da Irlanda.

Regras para funcionar

Embora o governo queira aquecer o setor, os estabelecimentos terão de seguir algumas regras para que possam sediar eventos até o horário máximo permitido. A partir das 5 horas da manhã, por exemplo, as casas noturnas não poderão mais vender bebidas alcoólicas para os clientes.

Os nightclubs terão ainda de garantir que 20% do espaço interno será destinado à área de dança. O estabelecimento só poderá permanecer aberto enquanto houver uma banda se apresentando ou um DJ tocando música para os convidados.

Pubs e bares noturnos

Além da mudança no horário de fechamento das casas noturnas, a Justiça irlandesa ainda propõe que os quase sete mil pubs do país possam iniciar a venda de bebidas alcoólicas a partir das 10h30 da manhã e encerrar o expediente somente à meia-noite e trinta. A autorização, se aprovada, valerá para todos os dias da semana.

Já os bares noturnos (Late pubs) que, diferentemente dos pubs, são mais especializados em bebidas – e não necessitam ter espaços para dança, como as casas noturnas -, deverão continuar com o horário limite de fechamento das 2h30 da madrugada. Assim como os nightclubs, os bares noturnos também deverão contar com um sistema de monitoramento interno por câmeras, além de equipe privada de segurança devidamente credenciada junto aos órgãos competentes, responsáveis pela fiscalização.

Próximos passos

Embora as propostas já estejam definidas pelo governo irlandês, as medidas só devem entrar em vigor no próximo ano, se aprovadas pelos parlamentares do país. Algumas das atuais legislações que regulam as atividades no país, , definidas como “antiquadas” pelo Ministério da Justiça, foram criadas há mais de 200 anos. Dois terços dessas leis possuem mais de um século.

Compartilhar