Programa vai financiar a compra de carros elétricos na Polônia

A partir de hoje (12), pessoas físicas podem solicitar subsídio para adquirir carros elétricos através do programa “Mój elektryk” (“Meu Eletricista”, em tradução livre) do Fundo Nacional de Proteção Ambiental e Gestão da Água (NFOŚiGW, sigla em polonês). Os valores partem de 18 mil PLN (cerca de 4 mil euros) e podem chegar até 27 mil PLN (cerca de 6 mil euros) para portadores do Cartão Família Grande, disponibilizado para quem possui 3 ou mais filhos. O orçamento total da iniciativa chega a 500 milhões de PLN (cerca de 110 milhões de euros) e o processo de concessão de verbas será conduzido de maneira online.

O programa visa diminuir emissões de poluentes atmosféricos reduzindo o consumo de combustíveis, além de fomentar a indústria de carros elétricos. O pedido para o subsídio deve seguir alguns parâmetros, como a classificação do veículo como pertencente a categoria M1 (veículos que não excedam 5 toneladas), que utilizem para a propulsão eletricidade gerada por fonte externa, a partir de hidrogênio ou a um motor cujo ciclo de trabalho não leva a emissões de gases de efeito estufa. Os carros também não podem ser utilizados para fins comerciais ou agrícolas.

A implementação seguirá até 2026 e as solicitações podem ser feitas até 30 de setembro de 2025, ou até que os fundos se esgotem. O benefício será concedido através de reembolso de parte das despesas e deve ser solicitado por um formulário eletrônico.

Em caso de resposta positiva ao pedido, o veículo deve ser registrado e segurado no território da República da Polônia e é necessário se comprometer a não se desfazer da propriedade por pelo menos dois anos após a obtenção dos recursos. Conforme anúncio do vice-presidente do Fundo, Artur Lorkowski, em algumas semanas será divulgado o regulamento e abertura do mesmo projeto, porém voltado a empresários, governos locais e outras instituições.

O número de carros elétricos atingiu a marca de 20 mil unidades em 2020, dobrando os valores de 2019, de acordo com o Instituto de Pesquisa de Mercado Automotivo Samar. O Instituto é responsável por unificar e publicar as informações relativas ao mercado automotivo na Polônia.

A crescente também pode ser verificada no restante da Europa, segundo a Agência Europeia do Meio Ambiente (EEA, sigla em inglês), indo de encontro ao objetivo do bloco em reduzir emissão de gases responsáveis pelo efeito estufa dos meios de transporte. Em 2019, 550 mil unidades de carros elétricos foram registrados, representando 3,5% do total.

Compartilhar