Alitalia cancela voos previstos a partir de 15 de outubro

A companhia aérea Alitalia anunciou que, a partir desta quarta-feira (25), não será mais possível comprar bilhetes para viagens marcadas após o dia 15 de outubro. Todas as passagens aéreas agendadas para além dessa data serão canceladas pela operadora italiana.

A interrupção das atividades da Alitalia ocorre um função da crise econômica enfrentada pela empresa, agravada durante a pandemia de Covid-19, que resultou na venda dos ativos da corporação à recém criada Italia Trasporto Aereo (ITA). A nova empresa pública vai assumir a administração da tradicional companhia aérea.

O site oficial da Alitalia destaca que os clientes que possuem bilhetes marcados para depois da segunda quinzena de outubro poderão pedir reembolso total ou referente aos trechos de viagem ainda não realizados. A companhia oferece também a possibilidade de remarcação das passagens, contanto que a data final de retorno ocorra até o dia 14 de outubro.

Entre as alternativas, há ainda a chance de realizar a troca de itinerário até o destino final sem reajuste de valor, ou então alterar o local de chegada, opção sujeita à reajustes tarifários. 

As alterações podem ser realizadas através do site da empresa ou então pelos telefones 800.65.00.55 (para ligações feitas na Itália) e +39 06.65.649 (ligações internacionais). Passageiros que tiverem adquirido os bilhetes através de agentes de viagens deverão fazer a mudança das passagens ou pedido de reembolso diretamente com a agência contratada.

De acordo com a Alitalia, a partir de 15 de outubro, todas as operações realizadas pela companhia aérea serão assumidas pela Italia Trasporto Aereo, que recebeu, no dia 18 de agosto, o Certificado de Operador Aéreo da Autoridade Nacional de Aviação Civil da Itália (ENAC, sigla em italiano), órgão que regula o setor da aviação civil no país. ‘’A ITA pode decolar’’, comemorou, na ocasião, o presidente da ENAC, Pierluigi Di Palma.

A Alitalia recebia repasses do governo italiano desde 2017 para tentar controlar a crise de liquidez agravada pela pandemia de Covid-19. A empresa possui atualmente uma frota de 84 aviões, das quais 52 devem ser mantidas pela ITA. A estatal que vai assumir as operações da extinta Alitalia já iniciou a venda de bilhetes online para viagens a partir do dia 15 de outubro.

Compartilhar

2 Comments

Não é possível deixar seu comentário no momento.