Liz Truss é a nova primeira-ministra do Reino Unido

O Reino Unido apresentou, nesta segunda-feira (5), o nome da nova primeira-ministra (PM) britânica, Elizabeth Truss. Liz, como é conhecida, tambem é integrante do Partido Conservador, comandado pelo até então PM, Boris Johnson. Em paralelo ao novo posto, Truss também passará a liderar a sigla conservadora.

Formada em filosofia, economia e política pela Merton College, de Oxford, Liz assume o governo britânico em um momento de turbulência que confronta taxa recorde de inflação, falta de mão de obra, e conflitos internos, como as recentes ameaças da Escócia em deixar o reinado e retornar ao bloco europeu.

O anúncio foi confirmado no início da tarde de hoje (5). Liz, que deve permanecer no posto pelos próximos dois anos, venceu Rishi Sunak na disputa pelo cargo mais importante da política britânica. Elizabeth obteve 81.326 votos contra 60.399 de Sunak.

No discurso da vitória, a nova PM prometeu adotar novas medidas para combater a atual crise econômica no território inglês: “Vou entregar um plano ousado para cortar impostos e crescer nossa economia. Vou responder à crise energética, lidando com as contas de energia das pessoas, mas também lidando com as questões de longo prazo que temos sobre o fornecimento de energia”, destacou Liz.

Experiência no governo

Antes de entrar na carreira política, Liz trabalhou no setor de energia e telecomunicações por 10 anos. Nesse período, a nova PM ocupou cargos de gerente comercial e diretora econômica na área.

Na política, Elizabeth foi eleita para o Parlamento britânico pela primeira vez em 2010, como deputada do Partido Conservador. Dois anos depois, em setembro de 2012, exerceu a função de subsecretária de Estado Parlamentar para Educação e Assistência Infantil.

Entre 2014 e 2016, Liz foi secretária de Estado para Meio Ambiente, Alimentação e Assuntos Rurais. No ano seguinte, passou ao cargo de secretária de Estado da Justiça e, de 2017 a 2019, passou à posição de chefe do Tesouro.

A biografia da nova PM, disponibilizada na página oficial do governo britânico, destaca ainda que Elizabeth Truss “foi nomeada Secretária de Estado para Assuntos Estrangeiros, da Commonwealth e Desenvolvimento em 15 de setembro de 2021”. Antes disso, havia também sido ministra para Mulheres e Igualdades, a partir de setembro de 2019.

Renúncia de Boris Johnson

Pouco antes de completar três anos à frente do Reino Unido, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, renunciou ao cargo no último dia 7 de julho. A decisão seguiu uma série de saídas de membros do governo nos dias que antecederam o anúncio, que acabaram pressionando ainda mais o líder inglês.

Boris Johnson foi um dos principais nomes da construção do Brexit. “Take back control” ou “Retome o controle” (em tradução livre), repetido inúmeras vezes por Boris, transformou-se no principal slogan do movimento que retirou o Reino Unido da União Europeia.

Compartilhar