Madri inicia vacinação contra gripe no próximo dia 25

No próximo dia 25 de outubro, Madri vai dar início à campanha de vacinação contra a gripe para todas as pessoas com 70 anos ou mais.  A decisão foi anunciada nesta terça-feira (19) pelo secretário de Saúde, Enrique Escudero, que destacou a importância de proteger a saúde da população mais vulnerável. Segundo ele, a ideia é ampliar a vacinação para outros grupos de risco ainda em novembro, como para a população a partir dos 65 anos de idade.

A vacinação contra a gripe será realizada até 31 de janeiro de 2022 e é gratuita para mais de um milhão de madrilenhos, incluindo pessoas maiores de 60 anos, doentes crônicos (diabetes, obesidade, hipertensão, pacientes de câncer, inmunodeprimidos), grávidas em qualquer trimestre da gestação, profissionais de saúde, cuidadores de pacientes vulneráveis e profissionais de serviços essenciais, como bombeiros e policiais.

Se o usuário quiser, no mesmo dia da aplicação da vacina contra a gripe, poderá ser imunizado com a terceira dose da vacina contra a Covid-19, se o tempo de aplicação contra a doença já tiver ultrapassado os seis meses.

Vacinação contra a gripe em 820 pontos da capital

A campanha contra a gripe 2021/2022, coordenada pela Direção-Geral de Saúde Pública, será desenvolvida em 820 pontos da capital. A população poderá aplicar a vacina nos centros de Atenção Básica (postos de saúde e clínicas locais), hospitais do Serviço de Saúde de Madri, centro de vacinação da comunidade de Madri; conselho municipal da capital, hospitais privados, centros médicos credenciados, lares de idosos, instituições penais, e outros.

Para ser imunizado em um posto de saúde, o usuário deve agendar uma consulta por telefone, através do site da Comunidade de Madri ou pelo aplicativo “Cita Sanitária” (consulta médica, em tradução livre).

Além disso, mais de 700 mil pessoas, pertencentes aos grupos de risco, deverão receber uma mensagem pelo celular para lembrar sobre a importância da vacinação contra a gripe.

Por enquanto, a Comunidade Autônoma de Madri ainda não divulgou um calendário ou esquema para a imunização de pessoas abaixo dos 65 anos.

Doses garantidas pelo Ministério da Saúde

O ministério da Saúde adquiriu para esta temporada 1,6 milhão de doses contra o vírus da gripe; 330 mil a mais que no ano passado.

São 800 mil doses da vacina com adjuvante (substância adicionada a uma vacina para aumentar a sua eficácia) para a população com mais de 65 anos, e 830 mil doses da vacina quadrivalente para menores de 65 anos.

A meta do Ministério é vacinar 75% da população maior de 65 anos e profissionais sanitários, além de superar em 60% a cobertura da imunização em mulheres grávidas e pessoas em grupos de risco. Devido ao efeito sinérgico observado entre o vírus Influenza e o SARSCoV-2, multiplicando por dois, os riscos de mortes em caso de coinfecção, a campanha deste ano está priorizando a cobertura vacinal para profissionais de saúde, idosos a partir dos 65 anos de idade e pessoas de qualquer idade em condições de risco.

O objetivo é proteger as pessoas mais vulneráveis ao vírus da gripe e reduzir o impacto sobre o atendimento assistencial.

Compartilhar